Informações e notícias sobre Rankings. Os melhores, piores, maiores e menores do Brasil e do mundo você encontra no nosso blog.

4 de outubro de 2008

Linguística ou Lingüística?


Na última Segunda-feira (29), grande parte dos brasileiros foi pega de surpresa. A razão? O presidente Luiz Inácio Lula da Silva finalmente assinou o decreto que, conforme prevêem as regras, não trará nenhuma conseqüência, mas consequências. O acordo ortográfico que entra em vigor no Brasil em 2009 trará as novas regras gramaticais que prometem alterar em torno de 0,5% das palavras no país.

As mudanças vão mais além do que a extinção da lingüicinha de Domingo ou do fim dos pobres pingüins. Nem giram apenas em torno do novo eletrodoméstico das donas de casa: o micro-ondas. Também não foi apenas pela inclusão oficial do K, W e Y no nosso alfabeto que esse acordo foi assinado. As novas letras no alfabeto; extinção do trema (exceto em casos de nomes próprios estrangeiros... Dá-lhe, München!); o sumiço e o aparecimento inusitado do hífen em algumas palavras; as novas ideias (isso, sem acento!) parecem deixar muita gente paranoica (idem).

O fato é que tal reforma ortográfica vinha sido discutida desde 1990 pelos países da CPLP (Comunidade de Países de Língua Portuguesa): Portugal, Brasil, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau, Angola, Moçambique e Timor-Leste. Sendo uma comunidade de uma única língua, deveria agir como tal. A decisão? Proporcionar uma “maior visibilidade ao idioma”, sendo esse o 7º mais falado do planeta. Afinal, ter boa-reputação aos olhos da ONU é algo desejável para todos eles.

Para quem acredita que não será fácil essa adaptação, dois recados: primeiro, já que o Brasil foi o primeiro a assinar o acordo dentre os 8 integrantes da CPLP, você terá a chance de se acostumar com isso antes de todos os outros; segundo, você terá mais 4 anos para se confundir. Afinal, a aplicação das novas regras só será obrigatória a partir de 2013. Até lá, existem pingüins e pinguins, idéias e ideias, nosso alfabeto possui 23 e 26 letras ao mesmo tempo e podemos até deixar de ser paranóicos.

Fernanda Suguiama está no segundo colegial e pretende, em 2013, estar no terceiro ano de seja lá qual curso for seguir. E, nesse curso, sentirá saudades do trema.

Leia também:
"We Salute You!"
A arte de enganar
Um cara multimídia

14 comentários:

Eduardo Storm Barbosa disse...

minha opinião sobre isso? uma bobeira. tem tanta coisa mais importante com que se preocupar e agora querem confundir todo mundo com essa babaquisse? Fora que, coitado do Word e de suas correções automáticas, né. Ótimo texto, fer =D
=*

Fer Suguiama disse...

Dudu, pois é! Antes de postar esse texto aqui no H&R, eu o escrevi no Word. Foi extremamente divertido, porque metade dele ficou sublinhado de vermelho. E, toda hora, lá ia a Fernanda conferir o que tinha de errado... haha
=*

Anônimo disse...

Eu acho muito bom este acordo ortográfico entre os países que falam a língua portuguesa, pois visa a simplificar a vida de todos.
Se pensarem bem fica mais fácil postar um poste num blog e que não só brasileiros mas como habitantes de mais sete países vão puder ler com mais facilidade, pois a escrita ficará mais parecida.

Abraços

Fer Suguiama disse...

Anônimo, realmente esse acordo vai, digamos, 'unificar' a língua portuguesa... Sobre o blog, muito legal o seu modo de ver! Agora basta divulgarmos o blog ao pessoal da CPLP! Muito legal o que você disse... Obrigada!
Beijos!

Mariana kaneta disse...

Nerdinha!!
Seu texto ficou muito bom!
Fer eu sou sua fã!!


Beeijo

Fer Suguiama disse...

Mari, eu é que sou sua fã, Nerdinha! =D

thamires disse...

espero mesmo, poder sentir saudades da trema, no meu terceiro ano da faculdade! E o bidê ou balde, vai ter que colocar nas suas discografias MICRO-ONDAS daqui pra frente! :S

Fer Suguiama disse...

Thami! Pois é... Em 2013 as coisas mudarão... E o novo velho sucesso do Bidê será Micro-ondas! Vê se pode...

Vitor trannin disse...

Fer, seu texto ficou muito bom, mas...... Cara, esses jornalistas gostam de complicar a vida da gente. Huahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahua.
Pra que reclamar se as autoridades tão só tentando facilitar as nossas vidas? Fala sério, adaptações são necessárias; se chama evolução. Porém, ficou bem legal, gostei dos argumentos Fer!

Fer Suguiama disse...

Vítor, não vou falar nada. Você é um sacana, isso sim! Não foi um jornalista que assinou o decreto, foi o presidente. huahuahuahu!
Valeu pela visita, cara!

ibuh disse...

Fernanda, por que você considera que foi uma surpresa para grande parte dos brasileiros?

O assunto, como você mesmo disse, já não vinha sendo discutido desde 1990?

Pelo menos para mim não foi nenhuma novidade...

Abraços.

The Best disse...

Já era hora de tirar a trema de nossa lingua, pois ela era pouco utilizada e não se mostrava eficiênte na parte fonética. Agora a idéia de tirar o acento agudo de algumas palavas não foi legal não.

O artigo foi muito bem abordado. Parabéns!xqzbdim

Fer Suguiama disse...

Ibuh, comentei que "grande parte dos brasileiros foi pega de surpresa" pelo fato de, pela 'enrolação', digamos assim, desde 1990, o decreto ser assinado repentinamente nessa Segunda dia 29. Fico feliz por pessoas como você já estarem preparadas pra essas mudanças! =)
Abraços

Fer Suguiama disse...

The best, realmente, o trema já vinha entrando em extinção há algum tempinho... Daqui pra frente veremos a 'saga' dessas novas ideias... Aiai... Obrigada e abraços!

Related Posts with Thumbnails