Informações e notícias sobre Rankings. Os melhores, piores, maiores e menores do Brasil e do mundo você encontra no nosso blog.

19 de setembro de 2008

Para os bons e maus pedestres


Oi, aqui estou eu novamente. É Sexta-feira, meu dia de postagem no blog. Bom, o assunto que hoje me inspira é algo bem corriqueiro, como mostra a foto acima... Não, não os Beatles, mas a faixa de pedestre. Toda manhã, pego um ônibus, num trajeto de 22km (meu êxodo estudantil - não moro em São Paulo nem sou retirante, mas isso não vem ao caso). Ao lado da cabine do motorista, há um enorme adesivo escrito “Faixa. Eu paro nessa”. Olhei, olhei e pensei: excelente frase pra se pôr nos veículos! Afinal, são eles a grande maioria que “pára nessa”, não é?

Ontem foi divertido. Indo à aula de bateria, pude notar a quantidade de pessoas que tentavam atravessar a rua na diagonal. Como assim? Tá certo que esse é o caminho mais prático entre 2 pontos (ainda mais se a loja onde você quer chegar não está bem à sua frente), mas... Não é o caminho mais curto pra se cruzar a rua! (Pitágoras poderia me ajudar nessa). Imagine só: uma senhora, lá pelos seus 67 anos, tentando atravessar a rua (sem faixa de pedestres) em uma velocidade de 2km/h. Não é fácil, e todos - creio eu - querem passar o menor tempo possível na mira de carros, motos, ônibus, caminhões, et coetera.

Dos mais anônimos aos grandes conhecidos. Olha... Eu disse que não falaria dos Beatles, mas não há como evitar! A imagem vista acima destaca a faixa, algo que os donos desses pares de pés souberam aproveitar muito bem. Afinal, atravessaram a Abbey Road sem serem atropelados – agradecimentos especiais aos motoristas londrinos que lá estavam –, gravaram seu disco (e muitos outros) e continuaram com sua vidinha “pacata”. Sigam esses exemplos, ó caminhadores das ruas desse país!

Enfim, andar nas ruas por aí anda tão difícil ultimamente que, quem sabe, a salvação seja treinar em casa, via Internet. Aqui está um link [sem vírus, juro!] (http://www.nosoup.net/nosoup4u/b3ta/abbeyroadcrossing.html), onde você pode praticar (através do teclado do seu computador) para ser um pedestre melhor. Ou um motorista com mais consciência.

Para quem caminha, tente o link e depois volte aqui pra nos contar suas experiências. Para quem dirige, aí vai o recado: “Faixa. Não pare nessa”.

Leia também:
A solidão de um pingüim...
Ranking de Clubes de futebol...
Ranking de universidades...

10 comentários:

Annelize Tozetto disse...

Os únicos lugares do mundo, especialmente do Brasil, em que os caras respeitam a faixa de pedestre são Brasília e Santa Catarina. Perceba. Nos outros lugares, apesar de abusarmos às vezes... se estamos na faixa somos ignorados.
Somos indefesos. Os motoristas tem uma arma na mão - e nem é pelo fato de muitos deles dirigirem mal... o.O
Mas é um bom texto... o que precisa mudar ´pe nossa educação. espeitar os sinais de trânsito..é também uma forma de respeitar e preservar a vida! (sua e dos outros)
:D
Beijos

Guilherme Freitas disse...

Se os motoristas mudarem seus hábitos de não pararem encinam das faixas de pedestres, e os pedestres atravessarem na faixa e não fora dela, teremos um número bem menor de acidentes. O ruim é que nem todos querem colaborar.

Fer Suguiama disse...

Annelize:
Sim! Sobre Santa Catarina eu concordo, pena que não conheço Brasília... Acho que precisamos de mais aulinhas sobre 'segurança no trânsito' por aqui. =P

Guilherme:
Esses hábitos já viraram praticamente uma nova lei nas ruas por aí... Daí que complica. =/

Obrigada por comentarem aqui! \o/

Igor! disse...

hahaha...quem é a autora do texto!?
tah uma droga!...
uAHEUHAuehaUHEUaueAE...
zuera fer...
apesar de atravessar a rua em diagonal...
é um texto para se refletir...
hauEHUAUHEHUaea...

bye!!!

Adao Braga disse...

Aqui em Irecê, a situação do trânsito é também caótica, sem uma autoridade para impor ordem a este caos, muito menos condições de fazerem mudanças.

Mariana disse...

Fer..realmente o seu texto é verídico..ninguém para na faixa, em dia de chuva então, você se molha inteira esperando alguém parar pra você poder passar. E quando alguém para na faixa nós realmente nos assustamos, pois é uma coisa muito rara.Bom, e eu gostei muito do joguinho..shauhsuahsua
Bom texto Nerdinha, e espero que você não seja demitida...shuahsuhas
xD


Beeijo

\/1tor disse...

Fer, num preciso nem falá o que eu acho dos seus textos né? Muito bom!
Realmente, acho todas as velhinhas desse país vão ter que se mudar ou pra Santa Catarina, ou pra Brasília. Mas espera! A população num tá envelhecendo!? E agora?
huahuahuahuahuahuahuahuahuahua.
Quem sabe, daqui a uns anos quando a população for de uma maioria de velhos o país melhore, não só nesse sentido como em muitos outros né?
Até mais, beijo.

Tânia Marchezin disse...

Infelizmente, hoje, no trânsito das cidades brasileiras, o que está prevalecendo é a lei do mais forte. Mas na minha modesta opinião, o que acontece mesmo é o desrespeito mútuo, ou seja, se um não cumpre as leis, porque eu cumprirei... é uma pena!
Obrigada por deixarem o link deste excelente blog lá no meu cantinho.
Abraços

Darcy Mendes disse...

Ainda ontem quase fui atropelado por um motorista apressadinho. Eu estava atravessando na faixa. Acontece que tem aqueles sinais que fecham para os carros, mas tem um tempo para os pedestres passarem até abrir o outro. O sujeito quando viu que fechou para os outros carros, arrancou e virou a esquina bem onde eu estava atravessando. Foi só susto e nem deu tempo de ver a cara do sujeito.
E tome falta de educação no trânsito.

Abraços!

Fer Suguiama disse...

Pessoal, valeu por deixarem toddas essas opiniões aqui... =D
E, realmente... o trânsito hoje tava terrível... Mas que novidade, não? =*

Related Posts with Thumbnails